24 de jul de 2009

ADORAÇÃO E VIDA NA PRIMEIRA NOITE DO HALLELUYA

A história do Halleluya e do ministério Adoração e vida vem de longas datas. São dez anos de uma parceria surgida pelo apaixonamento e reciprocidade entre o ministério e a Comunidade Católica Shalom como declara Walmir Alencar, vocalista do grupo.
Fátima Souza, vocalista, destaca a influência da música cearense na sua vida, “principalmente do Shalom, ele faz parte da minha já a muitos anos e é uma referência tanto técnica quanto espiritual”, afirma.
“A música católica tem crescido muito, mais poderia crescer mais”, analisa Walmir e afirma que algo importante é que as comunidades além de apoiar os seus músicos dêem sustento à música católica, “a música aqui do Shalom porque teve essa possibilidade de se abrir às demais”, exemplifica.
Os testemunhos são inúmeros da graça de Deu agindo através do ministério, “Nós cantamos mais quem opera é o Senhor”, destaca o artista. Característica peculiar deste ministério é sua abertura ao Espírito na forma de conduzir suas apresentações. O repertório formado não é garantia de execução, tudo pode mudar conforme inspire o Espírito de Deus.
Um projeto novo está em andamento. Segundo Walmir Alencar o Senhor está dando uma direção, a santidade. “As composições estão chegando e já estamos vendo a prova de um primeiro encarte,” adianta o cantor.

Nenhum comentário: