10 de mar de 2009

Movimentos cíclicos da vida

Tenho obsevado que na vida, muitas vezes vivemos situações no presente muito semelhantes a outras já vividas no passado. Quando menos esperamos nos deparamos com decisões a serem tomadas, com posturas a serem modificadas circunscritas num espaço que já nos parece bem conhecido. Comparo estas situações com um termômetro que mede nosso grau de maturidade, nos revela o que temos aprendido, de fato e, ainda, indica o que precisamos mudar. Nesses movimentos ciclicos da vida, apesar de parecerem semelhantes, eles apresentam caracteísticas bem particulares o que resulta em originalidade.Assim, a vida segue seu curso sempre em direção ao horizonte, nos aprimorando, nos renovando, querendo nos tornar, cada vez mais aptos a vivê-la.

Vanderlúcio Souza