4 de abr de 2013

Joelma e Daniela: dois pesos e duas medidas


A cantora Joelma da Banda Calypso disse ser "contra o casamento o casamento gay" e parece que o mundo desabou. Pelo menos para ela as coisas complicaram bastante, já se cogita cancelar um filme sobre a banda e centenas de jornais e portais na internet replicaram  as declarações da cantora, que segundo ela foram deturpadas pelo colunista da Época, Bruno Astuto. A entrevista rendeu à Joelma a pecha de homofóbica.

Dois dias depois uma outra cantora, Daniela Mercury, publica foto em rede social com uma mulher a quem chama de "esposa". Era a namorada da assessora. Daniela está sendo aclamada como heroína, vista como referência. Parece que a artista chegou a um degrau especial, uma evolução de sua condição de humana. 


Mas por que tratar com dois pesos e duas medidas as atitudes das cantoras. Joelma, assim como Daniela, apenas manifestou sua opinião. Acaso não vivemos em um país democrático, ou a militância gay deseja implantar uma ditadura? É proibido ser contra a união gay? Quem prescreveu que o assunto é unanimidade?  A palavra homofobia foi criada para calar quem pensa contra a maioria? 

Sobram perguntas, faltam respostas. 

Nenhum comentário: