30 de nov de 2011

OI com mais uma cobrança indevida

[denúncia]

Falar que é a  operadora OI é problemática é quase um pleonasmo. As letrinhas pequenas cheia de "casca de banana", informações truncadas e péssimo atendimento parecem fazer parte da  missão da empresa que é uma das maiores do país. Há quase dez anos sou cliente da operadora e a única coisa que a empresa não falha é na cobrança.

Dia 03 de novembro migrei de um plano da OI VELOX 3G que cobrava excedente para um cuja franquia me permitiria aumentar a velocidade para 1 MG e ter  a capacidade de 5 GB\mês e o melhor, não pagaria o excedente. Ainda para este mês foi-me garantido que mesmo ultrapassando  a capacidade prometida não teria a velocidade reduzida.


TUDO MENTIRA, BALELA, CONVERSA MOLE, ENGANAÇÃO, ENROLADA, HISTÓRIA PRA BOI DORMIR.

Minha conta chegou e lá estava a surpresa: mais de R$ 500,00 para pagar. É terrível esta sensação de ser lesado.

Foi quando esbocei no Twitter que entraria com a ação no PROCON contra a operadora. Através de algum sistema de busca a OI tomou nota de  minha denúncia, entrou em contato comigo pelo twitter, pediu os dados e disse-me que a cobrança era devida. Mais uma chateação.

Acompanhe a troca de tweets.



Tenho o número do protocolo da ligação que fiz dia 03 de novembro, vou pedir a gravação e ver o que tenho direito a receber. Só não vou é ficar no prejuízo.

Quando postei nas redes sociais sobre o péssimo serviço e ação desrespeitosa da OI muitos se solidarizaram e compartilharam seus desafetos com a empresa que tanto engana quanto cobra. Eis alguns dos depoimentos. Caso você tenha alguma queixa, deixa-a nos comentários que puxo para o corpo do artigo.

2 comentários:

Anônimo disse...

Eu tb fui vítima de uma cobrança indevida.
obtive em 2006 o velox, em 2008 canselei, visto que mudei para o exterior...
Voltei do exterior em dezembro de 2009 e regressei no dia 30-03-2010.
No mes seguinte-abril- foi reinstalado o tal velox, sem minha autorização, pois já estava no exterior.
Quando o meu esposo regressou sozinho no inicio de 2011, percebeu a cobrança tentou cancelar mas não fizeram o cancelamento e continuaram cobrando.
Envie requerimento pelo email da oi, mas eles alegaram que só pessoalmente.
Hoje, de volta, ligo pra eles. Fiquei uma hora tentando resolver a situação, por final disseram-me que não é possível devolver o dinheiro e ainda não tenho certeza que realmente cancelaram ...
Como foi possível fazer o pedido de instalação, se eu estava no exterior?
Como foi possível alguém fazer o pedido por mim, se não tinha acesso ao telefone, visto que a casa ficou fechada?
Eles tem que me provar de onde foi feita a ligação pedindo pra instalar o velox.
pois do meu telefone de casa não foi.
Achas que devo ir ao procom?
tenho todas as provas...

Neuma disse...

Eu também como varias pessoas estou sendo vítima de cobrança indevida da oi. Tinha o plano oi conta total a mais ou menos 3 anos, em janeiro migrei para o oi conta total light pois o 2 estava muito caro e tinha serviços que eu não utilizava ou seja pagava por um serviço que náo era necessário para mim.A mudança do plano foi feita e recebi minha fatura do mes de fevereiro já com o novo plano, paguei na data correta, mas para minha surpresa dias depois chegou uma conta do oi fixo no valor de 131,84 referente a assinatura de oi velox 5 M serviço esse que eu não contratei porque se eu tenho o plano oi conta total que oferece internet, oi, movel e fixo numa unica conta porque que eu ia contratar um outro plano de internet para a mesma linha? Não tem lógica. Liguei várias vezes para reclamar muitas vezes a ligação era interrompida assim que eu comunicava o problema em uma das várias tentativas a atendente me informou que o problema havia sido resolvido e que em dois dias a cobrança seria retirada do sistema. Hoje 29 de março de 2012 para minha surpresa chegou uma outra conta referente ao mesmo plano no valor de 120,71 mais a conta do oi total no valor de 154,20 totalizando 274,91 mais caro do que o oi total 2 que era o meu antigo plano. Amanhã irei ao PROCON munida de vários números de protocolos e nomes de atendentes e seus respectivos estados. INDIGNADA